Blog Esportivo do Suiço

Blog Esportivo do Suiço

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Paula faz jogo equilibrado, mas para na estreia no quali do US Open

Segunda e última representante brasileira na chave feminina do qualificatório do US Open, a campineira Paula Gonçalves seguiu os passos da paulistana Bia Haddad Maia e foi superada também na rodada de estreia. 

Sua adversária pela primeira rodada foi a australiana Arina Rodionova e a partida foi bastante equilibrada apesar de definida em sets diretos. Paula acabou levando a pior e foi eliminada com o placar final de 7/6 (7-2) e 7/5, depois de 1h54 de confronto.

Manchester City vence fácil e confirma ida à Champions

Após vencer a partida de ida por 5 a 0, mesmo fora de casa, o Manchester City voltou a bater o Steua Bucareste, da Romênia, por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Etihad Stadium, e só ratificou sua ida à fase de grupos da Uefa Champions League com tranquilidade.

O único gol dos Citizens, que jogaram com um time misto e vários garotos, foi marcado pelo meia Delph, aos 11 minutos do segundo tempo. Após cruzamento preciso de Navas, ele testou firme para vencer o goleiro Cojocaru, que havia feito boas defesas na etapa inicial.

As maiores emoções do duelo, porém, ficaram reservadas para a atuação do goleiro Joe Hart, que se envolveu em diversas polêmicas com o técnico Josep Guardiola nos últimos dias - inclusive abandonou um treino da equipe durante a semana, após discutir com o treinador espanhol- e está muito próximo de deixar o City após 11 anos vestindo a camisa da equipe, principalmente depois da contratação de Bravo, ex-Barcelona.

Classificado, o Manchester City agora aguarda para saber qual será seu grupo na Liga dos Campeões. O sorteio será realizado nesta quinta-feira, no Principado de Mônaco.

Americana de 14 anos avança no quali do US Open

O primeiro dia do qualificatório do US Open teve entre os destaques a vitória de Amanda Anisimova, jogadora de apenas 14 anos e que disputava sua primeira partida como profissional. A jovem americana, filha de imigrantes russos, surpreendeu a 124ª colocada paraguaia Veronica Cepede Royg por 6/3 e 6/4.

Como nasceu em 31 de agosto de 2001, mesmo que Anisimova fure o quali do US Open ela não conseguirá quebrar dois recordes relacionados a idade. A mais jovem a competir foi Kathy Horvath, aos 14 anos e cinco dias, em 1979. Já a mais jovem a vencer um jogo na chave principal foi Mary Joe Fernandez, aos 14 e 8 dias, quando bateu Sara Gomer, em 1985.

Feijão vence australiano e avança à segunda rodada do quali do US Open

A campanha do paulista João "Feijão" Souza no qualificatório do US Open começou com o pé direito. Nesta quarta-feira, ele venceu seu primeiro jogo em busca de uma vaga na chave principal do último Grand Slam da temporada, derrubando o australiano Andrew Whittington em sets diretos, com duplo 6/4.

Ocupando atualmente o 119º lugar no ranking, o destro de Mogi das Cruzes anotou sua 15ª vitória nas últimas 16 partidas, chegando em Nova York embalado após dois títulos em challengers. Feijão terá agora pela frente o alemão Matthias Bachinger, 514º do mundo, mas que foi 85º no ranking da ATP, algoz do português Pedro Sousa com vitória com parciais de 6/2 e 6/3.

Será a segunda vez que o paulista e o germânico medirão forças pelo circuito. O outro duelo entre eles aconteceu dois anos atrás no saibro do challenger de Poznan, na Polônia, válido pela primeira rodada da competição. Feijão levou a melhor sobre Bachinger e o derrotou em dois sets.

Anderson Talisca passa por exames e assina com o Besiktas

O meia-atacante brasileiro Anderson Talisca assinou por uma temporada com o Besiktas e foi apresentado no clube turco. O jogador, que foi revelado pelo Bahia, embarcou para a Turquia na segunda, passou por exames e assinou contrato nesta terça. Emprestado pelo Benfica, o jogador exaltou a oportunidade no clube turco, que é o atual campeão nacional e disputará a Champions League. 

Estou muito feliz por ter acertado em um clube fantástico como o Besiktas. O futebol turco tem um nível altíssimo. Chego ao clube para conquistar títulos e fazer história com essa camisa. Vou dar a vida em cada partida para que isso seja possível. Quero mostrar essa motivação em campo, com grandes atuações nesta temporada - afirmou.

Dana garante que Ronda Rousey não retorna no UFC Nova York

Muito especulou-se que a ex-campeã dos galos do UFC poderia retornar a organização americana na edição de número 205, que acontece no dia 12 de novembro, pela primeira vez em Nova York. Mas não será nesse card a volta de uma das maiores estrelas da companhia. 

Presidente do UFC, Dana White declarou, durante participação no podcast "UFC Unfiltered", que a ex-campeã está fora dos planos para esse card, que em breve começará a ganhar corpo. - Ela com certeza não luta em Nova York. Na verdade vou começar a trabalhar na preparação do card nesta semana - anunciou White. 

Ronda Rousey, de 29 anos, não luta desde que sofreu o primeiro revés no MMA, em novembro do ano passado, quando acabou nocauteada por Holly Holm e perdeu o cinturão dos galos e a invencibilidade. Desde que Ronda esteve fora, o cinturão da categoria passou pelas mãos de Holm, Miesha Tate e agora está com a baiana Amanda Nunes, atual campeã da categoria.

Thiago Monteiro e Bia são eliminados no quali do US Open

Thiago Monteiro perdeu para o alemão Daniel Brands, número 152 do ranking da ATP, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 4/6 e 7/6 (7-5), logo na primeira rodada do qualifying. Monteiro, atual 99º do mundo, teve dificuldades na partida, até protagonizou bons momentos quando venceu o segundo set, mas foi derrotado no tie-break em um terceiro set bastante equilibrado.

Nesta quarta, João Souza, o Feijão, vai iniciar a sua caminhada. Cabeça de chave nº 12 do qualificatório, ele enfrentará na primeira rodada o australiano Andrew Whittington, atleta de 23 anos que ocupa a 182ª posição do ranking.

Entre as mulheres, a paulista Beatriz Haddad Maia perdeu na estreia para a japonesa Shuko Aoyama por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 6/2, também nesta terça. A atleta de 20 anos, 343ª do ranking foi superada pela adversária número 234 do mundo. A outra brasileira no quali de Nova York é Paula Gonçalves, atual 160ª do ranking mundial, que vai encarar nesta quarta a australiana Arina Rodionova.

Radwanska estreia bem em New Haven

No seu último preparativo para o US Open, a número 4 do mundo Agnieszka Radwanska estreou com vitória no WTA de New Haven. Depois de um primeiro set equilibrado, a polonesa superou a letã Jelena Ostapenko por 2 sets a 0 e parciais de 7/5 e 6/1. Sua adversária das quartas de final sairá do duelo a ser disputado ainda nesta quarta-feira entre a francesa Caroline Garcia e a belga Kirsten Flipkens.

Radwanska é uma das quatro jogadoras que lutam pelo número 1 durante o US Open, mas a polonesa está em situação mais improvável, já que teria de pelo menos chegar à final em Nova York, isso no caso de ser campeã em New Haven. Qualquer outra campanha nesta semana exigirá o seu primeiro título de Grand Slam, desde que sua adversária não seja Angelique Kerber.

Depois de Magnano, Antonio Carlos Barbosa é mais um a deixar a seleção

O primeiro dia útil na cidade do Rio de Janeiro após o término da Olimpíada foi agitado na sede da Confederação Brasileira de Basketball (CBB). Após o diretor de seleções da entidade, Vanderlei Mazzuchini, confirmar a saída de Rubén Magnano do comando da equipe masculina, um comunicado oficial também anunciou o adeus de Antonio Carlos Barbosa da feminina.

As quedas na primeira fase dos Jogos Olímpicos do Rio foram decisivas para as respectivas saídas. Barbosa, que assumiu a equipe nacional em dezembro do ano passado, chegou a dizer que acreditava em pódio, mas a campanha de cinco derrotas e cinco partidas provou que tudo não passou de um sonho.

Os nomes dos futuros treinadores não foram divulgados. No entanto, o anúncio ainda não tem data prevista para acontecer e poderá ser feito só após as eleições na CBB, marcadas para março de 2017. Na seleção masculina, o mais cotado é José Neto, auxiliar de Magnano e técnico tetracampeão brasileiro com o Flamengo.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Kelly Slater vence o Billabong Pro Tahiti e quebra jejum de vitórias na elite mundial

Com uma campanha espetacular no Billabong Pro Tahiti, arrancando quatro notas 10 durante a prova, o norte-americano Kelly Slater voltou a vencer uma prova do Championship Tour nesta terça-feira, em Teahupoo. Desde dezembro de 2013 sem faturar um evento da elite mundial, Slater mostrou continua em forma e quebrou o jejum aos 44 anos, dando um verdadeiro show na bancada taitiana. Na final, o lendário atleta desbancou o havaiano John John Florence, que ficou precisando de uma combinação de notas para reverter a situação.

Depois de ver Florence sair na frente com 8.00 e 7.23, Slater não se abalou e reagiu com 9.77, tomando a liderança com 8.57 em sua segunda onda. Não satisfeito, o norte-americano disparou na liderança com 9.90 e complicou de vez a vida do adversário. Ainda deu tempo de descartar 7.40 em sua despedida da final.

O duelo marcava uma revanche entre Slater e John John. Derrotado por Kelly Slater numa semifinal histórica em Teahupoo no ano de 2014 - na etapa vencida por Gabriel Medina -, o havaiano acabou sofrendo a sua oitava derrota em 13 confrontos com o adversário.

Apesar da derrota na final, John John Florence tem motivo de sobra para comemorar. Depois de chegar à semifinal e superar o brasileiro Gabriel Medina em uma batalha épica, o havaiano já foi para a decisão com a liderança garantida do Tour e vai usar a lycra amarela pela primeira vez na carreira na próxima etapa, em Trestles, Califórnia (EUA).

Derrotado na semifinal, Medina permanece em terceiro lugar na temporada e está a apenas 300 pontos do vice-líder Matt Wilkinson e a 4.200 de John John, que possui 39.900.

                                                      RESULTADOS DAS SEMIFINAIS
                                                                              FINAL
                                                   CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO 

Gabriel Medina tira nota 10 mas cai na semifinal da etapa de Taiti

Um duelo entre Gabriel Medina e John John Florence é garantia de espetáculo. Em condições tubulares na bancada de Teahupoo, não podia ser diferente. Nesta terça-feira, os dois talentos surfistas voltaram a se enfrentar e protagonizaram uma batalha épica na semifinal do Billabong Pro Tahiti. 

Medina e Florence deram show do início do início ao fim e levaram a galera ao delírio. Com uma virada nos minutos finais, o havaiano superou o brasileiro por 19.66 a 19.23, seguindo para enfrentar Kelly Slater na grande final.

No melhor momento da bateria, Medina arrancou uma nota 10 em um cilindro espetacular e logo atrás John John veio com tudo de backside para receber 9.93 dos juízes. A virada veio nos minutos finais, em uma onda sem muito tamanho, mas muito bem surfada por Florence, que buscava 9.31 e conseguiu 9.73.

Agora, John John Florence tem outra revanche pela frente. Derrotado por Kelly Slater numa semifinal histórica em Teahupoo no ano de 2014 - na etapa vencida por Medina -, o havaiano terá a chance de dar o troco no amigo. Será o 13o confronto entre os dois e o placar está equilibrado. São sete vitórias de Slater, contra cinco de Florence.

Clezar vence a primeira no quali do US Open

O gaúcho Guilherme Clezar estreou com vitória no qualificatório para o US Open. Em duelo sul-americano disputado nesta terça-feira, Clezar levou a melhor sobre o argentino Facundo Arguello e marcou 6/2 e 6/3 em 1h02 de partida.

Após conseguir sua quarta vitória em seis duelos com Arguello, adversário frequente em torneios de nível challenger, Clezar se prepara para desafiar o cabeça 10 norte-americano Tim Smyczek, 115º do mundo e adversário inédito na carreira do gaúcho.

Atual 203º do ranking aos 23 anos, Clezar faz sua quinta tentativa no qualificatório do US Open. A melhor campanha aconteceu há um ano, quando venceu dois jogos e ficou a uma vitória de ingressar pela primeira vez na chave principal de um Grand Slam.

Após 7º lugar na Rio 2016, seleção masculina de handebol perde treinador para a Espanha

O técnico espanhol Jordi Ribera vai deixar o comando da seleção masculina de handebol. O treinador, que esteve à frente da equipe de 2012 até a Olimpíada do Rio, na qual a o Brasil terminou na sétima posição, recebeu um convite da Espanha para assumir a direção técnica da Real Federação Espanhola de Handebol e também para comandar a seleção adulta masculina do país. A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) ainda vai definir o novo treinador da seleção masculina. O treinador vai dirigir a Seleção da Espanha já no Mundial da França, em janeiro de 2017.

Esta não foi a primeira vez que Jordi foi técnico da equipe masculina do Brasil. Ele esteve no comando do grupo também de 2004 a 2008 e, nas duas ocasiões, garantiu resultados positivos para o Brasil.

Medalhões do Uruguai vão contra federação e podem deixar seleção

Alguns dos principais jogadores da seleção uruguaia ameaçaram não entrar em campo na disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Isto porque eles se dizem contra a AUF (Associação Uruguaia de Futebol) e a Tenfield, empresa que detém os direitos de transmissão de todo futebol e vários eventos esportivos no país.

Luis Suárez, Cavani, Diego Forlán, "Loco" Abreu, Diego Godín e Diego Lugano estão à frente do movimento por considerarem um monopólio que freia avanços técnicos e financeiros no Uruguai.

A guerra entre atletas e a empresa já acontece há algum tempo. Há quatro anos eles impediram que os direitos de imagem fossem explorados pela Tenfield, cujo contrato com a Federação foi assinado há 18 anos por Eugenio Figueredo, que hoje cumpre prisão domiciliar por ser um dos dirigentes envolvidos no escândalo de corrupção de 2015.

Medina avança à semifinal no Taiti e pode até assumir a ponta do Mundial

O brasileiro Gabriel Medina avançou, na tarde desta terça-feira (23), à semifinal da sétima etapa do Circuito Mundial de surfe, em Teahupoo, no Taiti, ao bater o australiano Josh Kerr nas quartas. A sequência da disputa deverá acontecer pouco mais tarde. Gabriel somou 17,90, com uma onda nota 8,97 e outra 8,93. O adversário fez apenas 13,40.

Ele fica agora na dependência do desempenho do havaiano John John Florence para assumir a ponta do ranking: o concorrente entra no mar na próxima bateria, contra o australiano Julian Wilson e, caso perca, Medina conseguirá alcançar a liderança se chegar à decisão. Se John John também for à semi, enfrentará o brasileiro - e, neste cenário, Medina precisará do título para somar pontos o suficiente para pular ao primeiro lugar.

                                           RESULTADOS DAS QUARTAS DE FINAL

Liverpool vence Burton com facilidade na Copa da Liga Inglesa

O Liverpool estreou na Copa da Liga Inglesa com uma goleada por 5 a 0 sobre o Burton Albion, da segunda divisão inglesa, no Pirelli Stadium. A partida foi marcada pela facilidade dos Reds em matarem o jogo e Mané foi um dos destaques.

Os visitantes começaram criando as melhores chances do jogo, pressionando o Burton e não precisaram de muito tempo para abrir o placar. Aos 15 minutos, os Reds trabalharam bem dentro da área, Mané deu passe e Origi completou de letra para dentro do gol.

Como já era esperado, a diferença técnica entre as duas equipes era muito grande e, por isso, ficou difícil qualquer reação dos donos da casa.

O goleiro Bywater saiu errado com a bola aos 21 minutos, Mané deu passe para Clyne, que cruzou para Firmino completar de cabeça e fazer 2 a 0 para os visitantes.

No segundo tempo, aos 16 minutos, Naylor complicou ainda mais a situação do Burton e marcou um gol contra após ótimo escanteio de James Milner.

Aos 33, a defesa dos donos da casa cortou mal, Mané deu passe para Milner, que rolou apenas para Sturridge completar. Cinco minutos depois, o inglês deixou novamente sua marca e fechou a goleada dos Reds.

Slater dá show e avança às quartas no Taiti com duas notas 10; Medina ganha duelo brasileiro

A quinta rodada da etapa de Teahupo'o, a sétima do Circuito Mundial de Surfe (WCT), foi marcada por um show do veterano Kelly Slater. O norte-americano superou o havaiano Keanu Asing com duas notas 10. Foi a primeira vez nesta temporada que um surfista conseguiu tal feito. O último a conseguir 20 pontos foi Owen Wright, em 2015. Asing, com 14,70 pontos, acabou eliminado.

Na sequência da bateria do maior campeão mundial de surfe, Gabriel Medina bateu Jadson André no duelo dos únicos brasileiros sobreviventes na etapa. Medina somou 15,43, contra 14,33 de André. 

Na primeira disputa desta terça-feira, o australiano Adrian Buchan bateu o sul-africano Jordy Smith e garantiu seu lugar entre os quatro melhores. Buchan somou 16,77 pontos, contra 12,60 de Smith. Para finalizar os classificados as quartas de final, John John Florence bateu Joel Parkinson. O havaiano somou 18,30, contra 15,90 do australiano.

RESULTADOS DA REPESCAGEM (QUINTO ROUND)

Após campanha decepcionante na Rio 2016, Rubén Magnano deixa a seleção

Rubén Magnano não é mais o técnico da seleção brasileira masculina de basquete. O treinador não resistiu à decepcionante eliminação do Brasil ainda na primeira fase da Olimpíada e não terá seu contrato, que termina dia 31 de agosto, renovado. A saída do comandante argentino foi sacramentada durante uma reunião com o diretor de seleções da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), Vanderlei Mazzuchini, segunda-feira à noite, no Rio de Janeiro.

O dirigente ainda não definiu quem será o substituto do argentino. Assistente de Rubén Magnano na seleção brasileira nos últimos seis anos, o técnico do Flamengo, José Neto, é o favorito para assumir o cargo e comandar a transição visando os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020.

Vice-campeão do Mundial de Indianápolis (2002) e medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Atenas (2004), Magnano foi contratado pela CBB em janeiro de 2010. Entre suas principais conquistas estão o vice-campeonato do Torneio Pré-Olímpico das Américas (Argentina 2011), que garantiu a volta do Brasil para a Olimpíada após uma ausência de 16 anos; a quinta posição nos Jogos Olímpicos de Londres 2012; o sexto lugar na Copa do Mundo da Espanha (2014) e a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (2015).

Los Angeles decreta 24/8 como "Dia de Kobe Bryant" na cidade

Los Angeles decretou que, a partir deste ano, o dia 24 de agosto, próxima quarta-feira, será considerado dia oficial de Kobe Bryant na cidade. A homenagem se deve ao fato do jogador ter sido um dos maiores jogadores de basquete do Los Angeles Lakers, onde atuou por 20 anos e conquistou cinco títulos da NBA. 

A homenagem, que foi anunciada por meio de um comunicado na última segunda-feira (22), será comemorada exatamente no data que representa os dois números utilizados por Kobe durante sua longa trajetória nos Lakers: 24 e 8. 

"Entre sua lista impressionante de realizações, está como o número um entre jogadores que atuaram apenas em uma franquia durante toda sua carreira. O 'Dia de Kobe Bryant' é uma maneira da cidade de Los Angeles lhe agradecer por toda sua dedicação e excelência para com a equipe, os torcedores e a cidade", disse José Huizar, vereador da cidade.

Flamengo vence, entra no G4 e domina a Seleção da 21ª Rodada

A 21ª rodada do Brasileirão-2016 confirmou mais uma vez o equilíbrio da competição, principalmente na parte de cima da tabela. O entra e sai do G4 está frenético, qualquer vacilo deixa a equipe de fora, ao passo que uma vitória já pode recolocá-la na briga.

É o caso do Flamengo, que venceu um concorrente direto e retornou ao G4, depois de ser derrotado na rodada anterior. A vitória sobre o Grêmio levou o clube a fornecer quatro personagens à Seleção da Rodada: Pará, Diego (estreante), Leandro Damião e o técnico Zé Ricardo.

O Corinthians foi outro que triunfou e retorno aos quatro primeiro colocados na classificação. O principal responsável por isso foi Marlone, que mudou o panorama do jogo contra o Vitória e se tornou o Craque dessa rodada. Uendel também ficou entre os melhores.